Saúde e Medicamentos

    Saúde e Medicamentos

 

Dor de cabeça

Cefaleia

A cefaleia ou dor de cabeça é um dos problemas de saúde mais comuns.

Pensa-se que a origem da cefaleia  está no óxido nítrico, que está envolvido na transmissão dos impulsos da dor e cuja produção em excesso origina a cefaleia.

Há dois tipos de cefaleia:

Cefaleia Tensional

Caracteriza-se por uma dor ligeira a moderada na parte anterior ou posterior da cabeça, acompanhada de uma sensação generalizada de tensão ou rigidez. Pode ter uma duração curta de 30 minutos ou de semanas (crónica). Pode ser acompanhada por uma sensação de pressão forte, ser sentida sobre os olhos ou irradiar para trás, para a nuca ou ombros. Manifesta-se de manhã ou às primeira horas da tarde e piora ao longo do dia. É mais frequente nas mulheres entre os 20 e os 40 anos e tem intensidade variável.

Enxaqueca

Caracteriza-se por uma dor pulsátil e intensa que, geralmente, afeta um dos lados da cabeça e pode durar várias horas a dias. Tem um início repentino e pode ser precedida ou acompanhada de sintomas visuais, neurológicos (aura) ou gastrointestinais. A enxaqueca com aura dura uma hora e é menos frequente. A enxaqueca sem aura pode variar desde horas a dias e é recorrente. Estes tipos de enxaqueca são mais comuns em mulheres (60% a 70%) entre os 10 e 30 anos e está associado muitas vezes a história familiar de enxaqueca.

Sintomas associados:

Factores predisponentes:

Terapêutica

A terapêutica da cefaleia ligeira a moderada e em casos esporádicos pode ser feita recorrendo a analgésicos e anti-inflamatórios.

Nos casos recorrentes devem ser identificados quais os fatores desencadeantes para tentar evitá-los.

Em associação à medicação deverá tomar-se algumas medidas preventivas como:

Voltar

Dependências Lazer
Álcool
Drogas
Tabaco








Repelentes de Insetos
Sol/Protetores
Viagens








Vida e Saúde Medicamentos Alternativos
Animais domésticos
Auto-medicação
Bebé
Contraceptivos
Emagrecer
Impotência Sexual
Menopausa
Vacinas
Acupuntura
Chá
Fitoterapia
Homeopatia

Naturopatia
Osteopatia
Quiropráxia

Página da autoria de Laurentino Moreira (farmacêutico) - Última atualização em 15-dez-2018