Saúde e Medicamentos

                  

Saúde e Medicamentos

Saúde Animal Perguntas/Respostas 

Cuidados Corporais

Beleza CorporalHigiene Oral
Piolhos e Lêndeas

Estrutura da Pele

A pele é o maior órgão do corpo,  representa 1/6 do peso deste. O bem-estar do corpo é muitas vezes refletido no aspecto da pele.

A estrutura da pele é constituída por três camadas:

  • Epiderme;
  • Derme e
  • Hipoderme.

Epiderme

A camada superior da pele é formada por queratinócitos, que depois originam os corneócitos do estrato córneo, a parte visível da pele. Também existem células especializadas: os melanócitos, que produzem a pigmentação da pele e as células de langerhans, que são o sistema imunitário da pele.

Os queratinócitos são formados constantemente na camada mais profunda da epiderme (camada basal), vão-se modificando até de transformarem em corneócitos, as células mortas que formam a barreira protetora da pele.

Demora entre 28 a 40 dias a renovação total da camada córnea e está dependente de vários fatores:

  • Idade (é mais rápida nos jovens);
  • Exposição solar;
  • Saúde geral e problemas da pele;
  • Tabagismo e poluentes ambientais.

Perto da camada córnea os queratinócitos produzem os lípidos que formam a barreira protetora da pele. Estes lípidos foram um óleo ceroso que se deposita nos espaços intercelulares. Os corneócitos tomam uma aparência achatada semelhante a um muro de tijolos unidos por lípidos. O extrato córneo poderá ter até 20 camadas destas células. A qualidade desta parede determina as características da pele, a resistência à sujidade e bactérias, é uma barreira à prova de água e agressões ambientais.

A última camada de células mortas da córnea está constantemente a separar-se da pele e origina grande parte do pó das casas. Se a descamação é deficiente origina pele seca: as células formam grandes escamas à superfície, resultando pele áspera. Os cremes hidratantes normalizam este processo, permitindo a renovação celular regular.

Derme

A camada mais espessa da pele. Nela estão os fibroblastos, que produzem o colagénio e elastina (70% dos componentes da derme); os vasos sanguíneos e linfáticos, as glândulas sudoríparas e sebáceas.

O colagénio e a elastina mantém a integridade da pele e permitem a manutenção da sua forma. Com a idade a capacidade de produzir colagénio é diminuída e as propriedades elásticas da pele ficam alteradas:

  • A pele esticada não volta tão rapidamente ao estado inicial;
  • A epiderme afunda-se originando rugas e
  • A pele fica mais fina.

Hipoderme

A camada mais profunda contém células que armazenam gordura, que têm como função isolar o corpo e armazenar energia. A espessura desta camada varia com o tamanho do corpo. Nesta camada existem, ainda, fibras musculares cuja contração é visível à superfície como resultado de expressões faciais, por exemplo. Nos jovens o franzido desaparece logo que as fibras relaxam. Nos idosos a contração é permanente e origina rugas de expressão. 

Sinais de envelhecimento (cutâneo)

  • Pele fina:A camada basal da epiderme produz menos queratinócitos, tornando a epiderme mais fina. Os fibrobastos produzem menos colagénio, tornando a derme mais fina e propensa a rugas e deformações.
  • Pele flácida: Devido a ter menos elastina e colagénio na derme a pele descai facilmente (ex.: papos debaixo dos olhos devido à gravidade).
  • Rugas: A perda de elasticidade da derme e a epiderme mais fina proporcionam o aparecimento de rugas.
  • Manhas cutâneas: A produção de melanócitos (responsáveis pela pigmentação) tende a aumentar e agrupar em certas zonas mais expostas ao sol, causando manchas.
  • Pele seca: Com a idade há menos glândulas sudoríparas e sebáceas, tornando a pele mais propensa a secura.
  • Vasos sanguíneos frágeis: Numa pele envelhecida os vasos sanguíneos ficam frágeis e propensos a formar pequenos derrames

A exposição solar é responsável por 80% do envelhecimento cutâneo.

A pele pode ser um dos primeiros órgãos a mostrar sinais externos de stresse: secura, manchas e oleosidade.

Uma dieta saudável  e equilibrada é importante para um corpo saudável e uma pele saudável.

Fumar provoca rugas na pele e pode agravar o efeito da exposição solar por enfraquecer a barreira anti-oxidante da pele.

Em ambientes poluídos a pele fica coberta de sujidade, bloqueando os poros. Os ambientes com aquecimento central e ar condicionado deixam a pele seca e desidratada

Doenças Infeciosas
Hepatite
Meningite
SIDA
Vacinas
Varicela
Zona





Cuidados Corporais
Cabelo
Caspa
Celulite
Higiene oral
Pele Seca
Piolhos
Próteses dentárias
Queda de cabelo

Dermatologia
Acne
Afta
Calos
Dermatite
Diarreia
Frieiras
Hematomas
Herpes Labial
Micoses
Queimaduras
Varizes

Página da autoria de Laurentino Moreira (farmacêutico) - Última atualização em 18-out-2016