Saúde e Medicamentos

                  

Saúde e Medicamentos

Saúde Animal Perguntas/Respostas 

Voltar

O que é?

É o que se chama às várias infecções respiratórias agudas e comuns, que ocorrem com mais frequência no Outono e Inverno, embora também surjam noutras épocas do ano. Afetam o nariz, a garganta, as amígdalas, os seios peri-nasais, os brônquios e outros locais. Curam-se espontaneamente ao fim de algum tempo.

O que as provoca?

São geralmente provocada por vírus, podendo estar envolvidas bactérias, particularmente nas complicações.

Como se transmitem?

Muito facilmente. A transmissão ocorre pelas gotículas de saliva ou expectoração, libertadas pelo doente ao expirar, espirrar ou tossir. As mãos são um dos principais meios de disseminação dos vírus, por serem contaminadas ao assoar.

A transmissão é mais fácil:
  • Em ambientes fechados e grandes aglomerados (escolas, infantários, creches, lares, escritórios, etc.);
  • Quando há variações bruscas de temperatura;
  • Para pessoas com defesas reduzidas às infecções (diabéticos, doentes cardíacos, com Sida, transplantados, idosos, com doenças respiratórias, etc.)

 

Constipação

Quais os principais sintomas?

Comparação entre os sintomas da constipação e os da gripe

Localização dos sintomas

Constipação

Gripe

Garganta

Dor ao engolir; Sensação de inchaço; Secura, picada e ardor; Rouquidão.

Amígdalas com membrana purulenta; Pode não apresentar sintomas.

Nariz

Espirros; Congestão nasal (início viscoso e transparente e mais tarde amarelo esverdeado e espesso.

Corrimento amarelo esverdeado; Pode não apresentar sintomas

Olhos

Congestão (vermelhos); Lacrimejo

Pode não apresentar sintomas.

Febre

Ligeira (até 38,5ºC).

Elevada (mais de 38,5ºC).

Gerais:

Dor muscular;
Mal-estar geral;
Dor de cabeça;
Falta de forças;
Perda de apetite;
Gânglios do pescoço aumentados;
Tosse

Ligeiros.

Intensos.

Qual é a evolução normal?

Constipações - curam geralmente em 3-5 dias, com alívio dos sintomas. Quando são agravadas por infecções bacterianas, levam mais tempo a curar.

Gripe - é mais grave e é frequentemente sujeita a complicações por bactérias que podem provocar pneumonias e outras infecções que põem em risco indivíduos debilitados como: idosos, crianças, cardíacos, diabéticos, doentes de cancro, SIDA, etc.

Quais são os sinais de alerta das complicações?
  • Febre alta;
  • Debilidade intensa e confusão mental;
  • Dor de cabeça forte com ou sem vómitos, com ou sem rigidez da nuca;
  • Dor intensa ao engolir, dificuldade em abrir a boca e sensação de volume na garganta;
  • Rouquidão ou "tosse de cão", tosse intensa e dor no peito ou costas;
  • Dificuldade de respiração, falta de ar;
  • Dor forte nas articulações com ou sem inchaço;
  • Crianças pequenas com corrimento nasal esverdeado, pálpebras inchadas.

Como se trata?

Os indivíduos mais sensíveis devem consultar o médico. Para os outros, e quando as situações são ligeiras, o tratamento destina-se a aliviar os sintomas:

  • Febre, dor muscular, dor de cabeça: paracetamol, ácido acetilsalicílico ou ibuprofeno, em em comprimidos ou supositórios.
  • Corrimento nasal (nariz a pingar): anti-histamínico em comprimidos.
  • Congestão nasal (nariz tapado): vasoconstritor nasal, em gotas ou comprimidos.
  • Tosse sem expectoração: antitússicos em comprimidos ou xarope.Tosse co expectoração: expectorantes em comprimidos ou xarope.
Que outros cuidados?

Na fase de febre e debilidade, deve manter-se em casa, ao abrigo de frio, ventos, variações de temperatura, chuva, etc. Prefira os alimentos moles. Se não tiver apetite, coma pouco de cada vez e beba muitos líquidos, de preferência água e sumos.

 

As constipações podem evitar-se?

As constipações pode ser menos frequentes e atenuadas, através de vacinas polivalentes orais. A eficácia destas vacinas é baixa, pois as constipações são provocadas por uma multiplicidade de agentes patogénicos.

 

Doenças Infeciosas
Hepatite
Meningite
SIDA
Vacinas
Varicela
Zona





Cuidados Corporais
Cabelo
Caspa
Celulite
Higiene oral
Pele Seca
Piolhos
Próteses dentárias
Queda de cabelo

Dermatologia
Acne
Afta
Calos
Dermatite
Diarreia
Frieiras
Hematomas
Herpes Labial
Micoses
Queimaduras
Varizes

Página da autoria de Laurentino Moreira (farmacêutico) - Última atualização em 18-out-2016